O QUE É ABDOMINOPLASTIA?

O que é?

A cirurgia de abdominoplastia, também conhecida como cirurgia de abdômen ou dermolipectomia abdominal, consiste na retirada do excesso de pele, flacidez e gordura na região abdominal. Proporcionando como resultado uma barriga mais lisa e tonificada.
Mas ela não é uma cirurgia para o emagrecimento. Ela é indicada para pessoas que passaram por múltiplas gestações, grandes oscilações de peso, ou para pessoas que possuem pele flácida na região devido a fatores genéticos, envelhecimento, entre outros casos.

Com essa cirurgia o abdômen é remodelado, proporcionando um aspecto mais bonito e saudável, a famosa ‘barriga chapada’ tão desejada pela maioria.

Como é?

O cirurgião plástico vai avaliar o abdômen do paciente, verificando a quantidade e a localização dos acúmulos de gordura. Normalmente, a abdominoplastia requer duas incisões:

• A primeira é horizontal na região logo acima dos pelos pubianos que se estende até próximo dos quadris, levemente curvada para cima. A extensão dessa incisão e a forma variam conforme a quantidade de pele a ser removida;

• A segunda incisão é feita na vertical, finalizando ao redor do umbigo, por onde os excessos de pele da parte superior do abdômen são separados das partes profundas. Nesse momento os músculos abdominais são suturados para que se tornem mais rígidos. O que irá proporcionar uma barriga mais plano e uma cintura mais definida. Essa pele em excesso é esticada para baixo para que seja removida e é feito um orifício para recolocar o umbigo em sua posição de origem.

Cicatrizes e finalização

Após a cirurgia, são colocados drenos de aspiração no abdômen, para evitar o acúmulo de líquidos na região abdominal. Esses drenos são inseridos na parte inferior da barriga, próximo ao púbis, permitindo que a cicatriz seja disfarçada entre os pelos pubianos.
O paciente pode ser liberado para casa com os drenos, que são de simples manuseio. Feito isso, as incisões da cirurgia poderão ser completamente fechadas, resultando em uma única sutura na linha da região púbica e uma dentro do umbigo. São colocados os curativos e bandagens.

Para quem é?

A abdominoplastia é indicada tanto para homens quanto para mulheres, mas no caso de mulheres, é importante ressaltar que ela só é recomendada para mulheres que não desejam mais ter filhos.

E nos casos de pacientes que acabaram de ter filho, é preciso que se espere pelo menos seis meses após o término da amamentação.

Contraindicações e alertas

A Abdominoplastia não pode ser considerada como um tratamento contra a obesidade ou qualquer outra alternativa para substituir uma alimentação balanceada e a prática de exercícios físicos.

Quem tem vontade de realizar a Abdominoplastia deve ser saudável, tanto mulheres, quanto homens. Alguns cirurgiões plásticos explicam que em pacientes onde a musculatura da parede abdominal é muito fraca, a costura realizada durante a cirurgia pode ficar comprometida. Uma vez que os músculos não são estabilizados tão facilmente.

Pré-operatório

Para se preparar para a sua cirurgia de abdômen é fundamental seguir todas as recomendações médicas e realizar todos os exames solicitados pelo cirurgião.

Dentre alguns cuidados essenciais antes da sua cirurgia plástica estão: manter uma alimentação saudável, não ingerir bebidas alcoólicas e evitar alimentos pesados nos dias anteriores à cirurgia; parar de fumar pelo menos 30 dias antes da operação; entre outros.

Pós-operatório

Após a cirurgia de abdominoplastia é muito comum o inchaço em toda área abdominal e a região do umbigo pode apresentar perda de sensibilidade, mas isso irá desaparecer ao passar dos primeiros dias.

Por isso a recuperação da cirurgia de abdômen requer repouso e disciplina do paciente. A volta ao trabalho só deve ocorrer após cerca de 15 dias e a prática de exercícios físicos após cerca de 2 meses depois da cirurgia.

Além do repouso, existem outras recomendações importantes para a recuperação.

Leia Mais

Recomendações

• Permanecer com dreno por aproximadamente sete dias;
• Realizar pelo menos dez sessões de drenagem linfática;
• Utilizar a cinta cirúrgica por cerca de dois meses;
• Não tomar sol na cicatriz por pelo menos seis meses;
• Não fumar;
• Dormir com as pernas dobradas ou com a cabeceira da cama elevada durante 15 dias;
• Andar com a postura levemente curvada durante 15 dias, entre outras recomendações que serão feitas pelo médico.

A drenagem linfática após a cirurgia abdominal

Sim. Na Abdominoplastia a drenagem linfática é obrigatória. Por que? Porque após uma cirurgia, a pessoa normalmente retém uma quantidade de líquido maior do que o corpo consegue drenar, e por isso a drenagem linfática é necessária a fim de reduzir a retenção hídrica, melhorar a circulação sanguínea e até mesmo aliviar as dores. A massagem também auxilia na remoção de hematomas, redução de fibrose, acelera o processo de cicatrização e recuperação pós-operatório, aumentando a hidratação e nutrição celular

Filhos após a cirurgia do abdome

Sim. A Abdominoplastia não te impedirá de ter outros filhos. Quanto ao resultado, só será preservado se na nova gestação o peso for controlado. Por isso orientamos que tenha todos os filhos antes de se submeter a cirurgia.

Resultados

Os resultados já podem ser percebidos após aproximadamente 30 dias do procedimento. Porém os resultados definitivos só podem ser analisados após cerca de 6 meses da realização da cirurgia, quando o inchaço já reduziu por completo e a cicatrização já está no processo final.

CTA Abdominoplastia UP! Plástica

Para quem é?

A abdominoplastia é indicada tanto para homens quanto para mulheres, mas no caso de mulheres, é importante ressaltar que ela só é recomendada para mulheres que não desejam mais ter filhos.

E nos casos de pacientes que acabaram de ter filho, é preciso que se espere pelo menos seis meses após o término da amamentação.

Pré-operatório

Para se preparar para a sua cirurgia de abdômen é fundamental seguir todas as recomendações médicas e realizar todos os exames solicitados pelo cirurgião.

Dentre alguns cuidados essenciais antes da sua cirurgia plástica estão: manter uma alimentação saudável, não ingerir bebidas alcoólicas e evitar alimentos pesados nos dias anteriores à cirurgia; parar de fumar pelo menos 30 dias antes da operação; entre outros.

Agende sua consulta

Contato com consultora - UP! Plástica

Pós-operatório

Após a cirurgia de abdominoplastia é muito comum o inchaço em toda área abdominal e a região do umbigo pode apresentar perda de sensibilidade, mas isso irá desaparecer ao passar dos primeiros dias.

Por isso a recuperação da cirurgia de abdômen requer repouso e disciplina do paciente. A volta ao trabalho só deve ocorrer após cerca de 15 dias e a prática de exercícios físicos após cerca de 2 meses depois da cirurgia.

Além do repouso, existem outras recomendações importantes para a recuperação.

Recomendações

  • Permanecer com dreno por aproximadamente sete dias;
  • Realizar pelo menos dez sessões de drenagem linfática;
  • Utilizar a cinta cirúrgica por cerca de dois meses;
  • Não tomar sol na cicatriz por pelo menos seis meses;
  • Não fumar;
  • Dormir com as pernas dobradas ou com a cabeceira da cama elevada durante 15 dias;
  • Andar com a postura levemente curvada durante 15 dias, entre outras recomendações que serão feitas pelo médico.

Os resultados já podem ser percebidos após aproximadamente 30 dias do procedimento. Porém os resultados definitivos só podem ser analisados após cerca de 6 meses da realização da cirurgia, quando o inchaço já reduziu por completo e a cicatrização já está no processo final.

Artigos Relacionados