O que é?

A Cirurgia de Orelhas, também conhecida como Otoplastia, é o procedimento que corrige imperfeições da cartilagem das orelhas, diminuindo o aspecto de “abano” e proporcionando uma aparência mais natural de acordo com a estética facial. As “novas orelhas” ficam mais rentes ao couro cabeludo e muito mais discretas.

Essa cirurgia é muito importante na medida que orelhas proeminentes ou orelhas de abano podem causar constrangimento em relação a própria aparência, podendo afetar inclusive o psicológico.

Para quem é?

A cirurgia de Otoplastia é indicada logo na infância, na fase escolar que é quando a criança é mais atingida – devido a gozação dos colegas.

É também justamente nesta idade que a criança começa a ter noção sobre as características das suas orelhas. Então, é importante que a criança esteja ciente da importância que a cirurgia de orelhas pode ter em sua vida, assim provavelmente ela vai cooperar durante o procedimento.

A cirurgia também é executada em adolescentes e adultos, que possuam orelhas abano ou outras imperfeições. Porém, é importante ressaltar que devido à cartilagem da orelha já estar totalmente desenvolvida, a orelha de um adulto não tem a mesma capacidade de reformulação como a orelha de uma criança.

Agende sua consulta UP! Plástica

Como é?

Durante a consulta médica para cirurgia de orelhas, alguns detalhes são observados pelo cirurgião plástico e explicados ao paciente com orelha de abano: a ausência da antihélice – a projeção das conchas e a presença ou não de assimetrias, que indicam a necessidade de cirurgia plástica de orelhas.

O procedimento é realizado através de uma incisão na parte de trás da orelha, o que resulta em uma cicatriz bem discreta, que fica escondida nas dobras naturais da região.

Por meio desta incisão corrigem-se as alterações que no caso provocam a orelha em abano, esculpe-se uma nova anti-hélice e/ou reduzem-se as dimensões e concavidade da concha.

O lóbulo da orelha, aquela parte mais inferior, sem cartilagem, onde se colocam os brincos, também é corrigido – podendo ser preso ou solto.

Inicia-se o procedimento com o paciente sob anestesia local sedação ou geral (no caso de crianças), e a marcação onde será retirada a pele ou cartilagem em excesso atrás das orelhas de abano. A permanência no hospital é de oito a doze horas e o procedimento de Otoplastia dura cerca de uma hora.

Pós-operatório

No pós-operatório, por exemplo, é recomendado o uso de faixa compressiva nas orelhas durante 30 dias sendo, 15 dias tempo integral e 15 dias somente pela noite. Também é fundamental não tomar sol na região da orelha por 15 dias. Todos esses cuidados favorecem uma recuperação mais rápida e eficaz.

A cirurgia plástica de orelhas é um procedimento seguro e eficaz que remodela as orelhas, produzindo um resultado estético mais harmonioso e atraente. Esses resultados já são visíveis logo após a retirada dos curativos e são duradouros.

CTA Duvidas sobre cirurgias plasticas

Artigos Relacionados