O que é?

A cirurgia de Prótese de Panturrilha é indicada para pessoas com pouco volume na região das panturrilhas, principalmente na parte interna e posterior das pernas.

O objetivo principal é promover aumento do volume das panturrilhas, com melhora do formato e da proporção entre as coxas e as pernas.

O volume da prótese panturrilha varia de caso para caso, devendo haver escolha entre o paciente e o cirurgião, baseada nas dimensões pré-existentes da panturrilha.

Para quem é?

O músculo panturrilha possui fundamental importância na estética dos membros inferiores. Quando desenvolvido, proporciona definição e beleza ao praticante de atividade física. Homens e mulheres buscam aumentar panturrilhas com a prótese panturrilha por motivos diversos.

O público masculino busca a cirurgia plástica para enfatizar a musculatura e visual atlético da panturrilha. Já a maioria das mulheres geralmente o fazem para obter um equilíbrio anatômico, de modo a tornar a perna mais proporcional com a cintura e quadril.

Como é?

A prótese panturrilha é uma cirurgia plástica realizada com anestesia peridural, geral ou raqui. O procedimento dura cerca de uma hora e o paciente permanece no hospital por 24 horas.

O procedimento cirúrgico consiste na implantação de uma prótese de silicone na panturrilha.

Ele é realizado através de uma incisão (corte) na região posterior da perna de apenas 2-3 cm, localizada na dobra posterior do joelho. É feito uma “bolsa” ou descolado um espaço acima do músculo, então é inserido o implante e é realizada a sutura da incisão.

A prótese de panturrilha utilizada nas cirurgias plásticas é a texturizada, preenchida com gel de silicone.

Pós-operatório

A cicatriz da prótese de panturrilha, por estar localizada em um local bastante discreto (face posterior do joelho), fica praticamente imperceptível após o período de cicatrização normal. O resultado aparece a partir do segundo mês.

Para um resultado perfeito deve-se seguir a risca o pós operatório: usar meias elásticas especiais por dois meses, usar sapatos de salto com cinco centímetros pelo menos por 15 dias, evitar exercícios físicos de membros inferiores por pelo menos 30 dias e não tomar sol na cicatriz por seis meses.

Artigos Relacionados