O que é?

A luz intensa pulsada é um derivado do laser, porém com um grande diferencial: não fere a pele. Essa técnica é utilizada para o rejuvenescimento da pele do rosto e pescoço onde a ação do tempo e os danos solares são mais visíveis, onde o aspecto da pele pode se tornar áspera, espessa, sem elasticidade e seca, com isso aparecem às pigmentações, os poros se dilatam e surgem as rugas.

Os modernos tratamentos com laser e luz pulsada seguem uma nova tecnologia de luz chamada não ablativa (que não causa danos na pele).

Como é?

O aparelho de luz intensa pulsada usa uma tecnologia que emite luz, que gera calor na pele, atinge vários tipos de alvo: a melanina (sardas), os vasos sanguíneos (microvarizes da face e colo) e o colágeno (flacidez e rugas).

Trata-se de um recurso terapêutico onde se tem a emissão de luz em vários comprimentos de onda e por consequência tem diversas indicações.

O tratamento se inicia de forma superficial, se aprofunda para estimular a produção de um novo colágeno, dando aspecto de uma pele mais limpa, viçosa e tonificada, com grande melhora das rugas. Esse tratamento também é indicado para portadores de doenças de pele com o vitiligo, rosácea, manchas e acnes. A L.I.P. ajuda a melhorar a aparência de descoloração da pele, áreas com manchas ou sinais de rosácea, este processo também é conhecido como Foto rejuvenescimento facial.

Para quem é?

O tratamento com Luz Intensa Pulsada é indicado para pacientes que buscam: rejuvenescimento; marcas de expressão e rugas; sequelas de acne; hipercromias (manchas); hipercromias (manchas) por fotoenvelhecimento; telangectasias; acne; rosacea; estrias; depilação e poros dilatados.

Contra indicação: pacientes que fazem uso de medicamentos fotosensiveis e pacientes em uso de isotretinoina.

Pós

Em comparação ao laser esta técnica torna-se interessante por não ser ablativa, tem menor tempo de recuperação e não há eritema (aspecto vermelho) prolongado; além da indicação para todos os tipos de peles.

Após a aplicação a paciente não deve se expor ao sol por 2 a 3 semanas após a aplicação e seus resultados são progressivos. Média de 5 sessões intervaladas de 4 semanas.

Artigos Relacionados